Mapas Mentais de Medicina: Como criá-los? | UASS-PJC

A ideia do mapa mental é uma forma muito objetiva e direta de estudar, onde você cria conexões de forma sistêmica com as principais informações sobre o assunto.


Se você é estudante de medicina, provavelmente já se deparou com um MindMap (Mapa Mental). Esta ferramenta está se tornando cada vez mais popular. Isso porque é uma ótima maneira de manter os tópicos aprendidos frescos em sua memória e fáceis de revisar.


Por isso é interessante você começar aprender mais sobre mapas mentais.



O Mapa Mental é uma técnica para organizar e lembrar pensamentos e ideias lógicas, popularizada pelo psicólogo britânico Tony Buzan. A técnica de memorização pode ser uma importante aliada na aprendizagem e no seus estudos, aprimorando a capacidade do cérebro de armazenar conhecimento e raciocinar cuidadosamente de forma lógica - por isso pode ser muito útil para os alunos.


A técnica envolve a expansão de palavras-chave relacionadas ao tópico do centro da página para as laterais da página. Essa forma de exercitar o aprendizado é também uma forma de organizar os conteúdos e colocá-los em uma “sequência” de processamento para que o cérebro possa agir rápido da melhor maneira possível.


Quando se trata de mapeamento mental, a simplicidade é a chave para a perfeição. Ou seja, não aumente as frases nem exagere no número de tópicos. É importante também tornar seu mapa mental visualmente atraente para você. Dessa forma, você aprende melhor e, o mais importante, tem alguns bons resumos para usar antes do exame.


Utilize cores, formas ou imagens


Você pode escolher sua paleta de cores favorita para colorir os elementos do mapa mental. Outro ponto que é bastante reforçado nessa técnica é a escrita a mão, pois alguns estudos mostraram que escrever enquanto lê ou estuda garante melhor absorção no cérebro.


Utilize linhas curvas

Este truque é divertido: Você sabia que o cérebro humano tende a achar as linhas retas mais chatas do que as curvas?


Então não deixe que uma simples reta seja o motivo para reduzir seu foco de estudo.


De forma prática, para fazer um mapa mental você precisa:

• Escrever tópicos claros e curtos, para memorizar as informações com poucas palavras;

• Trabalhar as mudanças de cores para mentalizar os agrupamentos;

• Organizar palavras e desenhos de um jeito que faça sentido para você, não para outras pessoas.



A Atención al Alumno da UASS-PJC está pronta para tirar todas as suas dúvidas.


Faça sua inscrição pelo WhatsApp no número 67 99902-8640.